Arquivo da tag: tempo

image

Já segue o blog no Instagram e no Facebook?
Tem sempre coisa nova por lá!

Instagram
Facebook

Anúncios

Etílicos 1/3

Um brinde à paixão,
Que te deixa maluco.
Um brinde ao tempo,
Que te deixa caduco.
Também ao silêncio,
Que conversa mudo.
E um brinde à poesia,
Que cura isso tudo.

Um brinde à morte,
Que acaba
Com a vida.
E um brinde à cerveja,
Que torna agradável
Essa angústia contida.

                           (Eduardo Quintanilha)

Se-Foram-Borboleta

E se foram..

 

As coisas mudaram…
Não de repente, mas aos poucos. De modo que só então eu percebera.
Começara quando num dia, não pedi que me buscassem na escola, num típico dia de chuva.
Quando, estudar deixava de ser um castigo.
Mudaram, quando nem notei a ausência daquele velho rechonchudo vestido de vermelho, no Natal.
Sentia-me estranho.

Meus aniversários já não eram mais comemorados com balões e bolos estampados.
Era tudo novo.

Coisas que nunca havia pensado, começaram a fazer sentido. E as que já havia, se tornaram estúpidas.
Os colegas de repente se afastaram, os amigos permaneceram.
Entendi então, o significado e a diferença de coisas que pra mim eram incompreensíveis. Aprendi da pior maneira que a vida é curta, e que todos seguem o mesmo destino.
Lições valiosas.

As borboletas que coloriam o quintal de minha avó, agora são raramente vistas. Foram-se com ela? Talvez.
Até mesmo os pássaros sumiram. Não esses de penachos acinzentados e soar choroso, mas os coloridos, que bebiam toda tarde aquela melada mistura em meu quintal.

E se foram emoções, e se foram alegrias. Aquelas verdadeiras, simples como o desenho humanoide de crânio ovulado que nunca mais conseguir fazer no papel.

Talvez tenham ido por eu ter crescido, também pela perca de inocência. Ou simplesmente, por que eram para ir.

~Eduardo Quintanilha

Imagem da Internet

Sobre Sonhar 

(mais…)